17 novembro 2011

Semana Internacional no College

Hey hey hey you! Como vão todos? Nossa, aqui tá ficando friiiiiiio! Acordar de manhã é difícil, vou te falar. A vontade de ir pra escola sabendo que quando você voltar já vai estar de noite (aqui tá anoitecendo antes das 5 da tarde), também não é uma ideia muito animadora. Mas, fazer o que né?

Semana passada aconteceu a Semana de Educação Internacional aqui no College (e se eu não me engano, em toda a Inglaterra). Durante toda semana, um dos restaurantes do college ia fazer alguns pratos típicos da culinária de vários países. Teve Suécia, Grécia, Dinamarca... Infelizmente, não teve do Brasil, mas tudo bem. Além disso, nas aulas de inglês teríamos, em cada dia da semana, um quiz sobre a cultura de outros países em geral.

Na terça-feira seria o dia em que apresentaríamos a cultura do nosso país na área do almoço. Ou seja, cada país teria uma mesa para mostrar comidas, bandeiras, fotos, música e etc do seu país. Seria uma oportunidade de conhecer outras culturas, fazer novas amizades e se divertir muito! 

Sendo assim, na segunda-feira fomos eu, Angélica e Luana para a casa da Gabi fazer brigadeiros. Fizemos 300 brigadeiros. Sim, você leu certo. Trezentos. Fizemos um esquema de produção para agilizar tudo: enquanto uma mexia o brigadeiro, outra ia abrindo os "papézinhos". Depois, uma colocava o brigadeiro na mão de duas, que iam enrolando e colocando-os numa tigela cheia de granulado, onde outra ia jogando o granulado em cima e os colocando nos papéizinhos. Quase nem acreditei quando terminamos. Como não achamos granulado marrom suficiente, fizemos metade com granulado colorido, que ficou uma gracinha!

Na terça-feira, chegamos na aula, arrumamos nossa mesa e fomos aproveitar! Foi maravilhoso, eu amei! Tive a chance de comer coisas incríveis (e outras nem tanto), fazer ótimas amizades e ainda mostrar pra eles o quanto o meu país é demais!


pulling that face, as usual




Todos a-ma-ram os brigadeiros. Sério, quando eu cheguei na aula de biologia de tarde, meu professor perguntou o que eu tinha feito, e eu expliquei pra ele. Um colega meu que eu mal falo virou pra mim com a maior cara de espantado e disse: "Foi você que fez aqueles bolinhos, chocolate, trufa, sei lá? Meu Deus, aquilo tava perfeito!". Nem me senti na hora, imagina... hahaha


Chimarrão!

Teve uma hora que a festa estava tão grande que fizemos todo mundo dançar Ai Se Eu Te Pego, do Michel Teló. Essa música já era um pouco famosa na Europa por causa do Neymar e do Cristiano Ronaldo, que comemoraram gols com a dancinha. Desde a terça-feira, MUITA gente agora no college adora essa música. Acho muito legal ver todos esses gringos ouvindo música brasileira (mesmo que eu não curta o estilo da música).

Aqui um vídeo de como foi quando estava tocando uma música francesa. Os franceses são animados, vou te contar hein!


Agora imagina esse tanto de gente dançando Ai Se Eu Te Pego e Rap das Armas. Pois é!

Sexta-feira teve um mini show de talentos na hora do almoço, apenas para os estudantes internacionais. Foi hilário, no mínimo. Sexta também foi 11 de Novembro, ou seja, Remembrance Day aqui na Inglaterra (Veterans Day nos EUA). *aqui eu dando outra aula de história pra vocês*
Dia da Lembrança é um dia-memorial que acontece em países da Commonwealth desde o fim da Primeira Guerra Mundial para lembrar os membros das suas forças armadas que morreram no cumprimento do deverEste dia, ou datas alternativastambém são reconhecidos como dias especiais para embrar de guerra em muitos países que não são da CommonwealthDia da Lembrança acontece em 11 de novembro para recordar o fim oficial da I Guerra Mundial na mesma data em 1918; as hostilidades terminaram formalmente "às 11 horas do dia 11 do mês 11de 1918 com a assinatura do armistício alemão. Todo dia 11 do mês 11, às 11 horas, todos fazem dois minutos de silêncio, em homenagem àqueles que lutaram na guerra. A papoula vermelha tornou-se um emblema do Dia da Lembrança, devido ao poema "Em campos de Flanders". Estas papoulas floresceram através de alguns dos piores campos de batalha de Flandres, na Primeira Guerra Mundial, e sua cor vermelho brilhante é um símbolo apropriado para o sangue derramado na guerra. Muita gente usa essas papoulas (esse broches de flores) para mostrar seu apoio à causa.

Então, naquele dia, naquele horário, fizemos 2 minutos de silêncio. Antes, na lanchonete, passaram um vídeo com imagens da guerra e a música "Imagine" do gênio John Lennon. Foi emocionante.

Enfim, espero que tenham gostado do post. Só queria falar também que eu fiz uma mini entrevista para o blog da fofa da Cristiane, o Dentro Da Bolsa. Chequem o blog dela, é demais!

Beijos, fiquem com Deus.
Taty!

7 comentários:

Isadora disse...

Ótimo post, as always!! =) Beijo, Taty!

Anna Luísa disse...

acho muito legal isso de mostrar a cultura do brasil em outros países!
achei SUPER!!

adorei o post
rs

Cecília disse...

Pra que cidade você foi e como é lá?

DINDA disse...

Taty,estou tao orgulhosa,li sua enrevista para o dentro da bolsa,e a saudade tambem escorreu pelo os olhos,vc mudou completamente o meu pensamento sobre o ¨seu intercambio¨,pode acreditar que estamos viajando juntos com vc, e saber da sua alegria nos alimenta, para suportarmos melhor sua äusencia fisica¨.
bj enorme minha querida.

Bia disse...

Nossa, eu queria muito ter visto os ingleses dançando Ai se eu te pego do Michel Teló!! kk

Gustavo Benato disse...

Nem imagino os gringos dançando Michel Teló! KKKK e você gosta?

Tatyanna Gois disse...

Respondendo:

Isadora: Muito obrigada! :)
Anna Luísa: Sempre que posso, mostro um pouquinho do Brasil pro pessoal daqui. Thanks!
Cecília: Estou em Chichester, e aqui é ótimo!
Dinda: Ei Dinda, que saudade! Fico muito, muito feliz que você esteja feliz por mim, que eu tenha mudado seu pensamento sobre o meu intercambio. Obrigada de verdade! Estou morrendo de saudades! Um beijo enorme da sua pequena aqui. Te amo!
Bia: Tem até um vídeo, mas eu não estou achando ): Se eu achar, eu posto aqui.
Gustavo Benato: Nossa, foi hilário! Eu, sinceramente, não gosto não. Não curto sertenejo, pagode, axé, forró, etc ): hahaha